Higienização de escovas e pentes de cabelos


Você costuma lavar suas escovas e pentes de cabelo?

"Fátima, todo mundo fala sobre cabelo na net, mas nunca li nada a respeito da higienização das escovas de cabelo. Ontem vi uma escova tão suja em um salão que até passei mal. Que tal abordar este assunto no blog? Iria adorar!"
                                                                             Carla Hardman - Bertioga - SP

Bom meninas, sempre falamos de shampoo para limpar bem os cabelos, leave in para eles ficarem sedosos e brilhantes, máscaras mega restauradoras, até de produtos anti caspas falamos, mas acabamos realmente esquecendo de falar e até de cuidar da saúde dos nossos pentes e escovas. Com tantos produtos sem enxagües que usamos, imagina como ficam nossos pentes e escovas... Sem contar no vapor do banheiro e outras coisinhas que por lá andam, que podem comprometer o instrumento. É bem simples imaginar. Você fica com o cabelo limpinho, e depois suja com uma escova mal cuidada. é como tomar banho e colocar uma roupa suja, não é? Então vamos lá...



A higienização das escovas e pentes de cabelo é um hábito muito importante. Você deve lavá-las a cada 15 dias, no mínimo. Esta ação remove a oleosidade deixada pelos fios, tira a poeira, os cabelos mortos e resíduos dos produtos que usa-se ao se pentear. 

Você sabia que, dentre os vários motivos para queda de cabelos, um dos mais comuns está relacionado a fungos e bactérias? Por isso, não é brincadeira quando falamos em higienizar as escovas e pentes de maneira correta.


Como fazer:

Se a escova / pente for só usada por você
Retire os fios presos na escova com o auxílio do cabo de um pente ou até mesmo uma pinça. Atenção, é comum passar o pente na escova, mas isso favorece o amolecimento das cerdas e estraga a escova.
Depois, lave a escova. A lavagem tem que ser feita com cuidado. use apenas sabão neutro ou até mesmo o seu shampoo. Esfregue bem a base da escova com seus dedos mesmo (se não teremos que ter uma escova para limpar a outra escova - rs). Se a sujeira estiver muito difícil, deixe a escova de molho por 30 min. com água morna, sabão neutro e bicarbonato de sódio (2 colheres de sopa). Enxague com água morna e deixe secar naturalmente. Não use o secador de cabelos para isso pois pode comprometer a qualidade e vida útil do seu instrumento. Para a base da escova, usar uma esponja macia na hora de esfregar. 
Cuidado redobrado com as escovas metálicas – ionizadas, por exemplo – que devem ser totalmente enxugadas com o auxílio de um pano limpo para evitar a oxidação.
Os modelos em plástico, com revestimentos sofisticados ou materiais derivados da porcelana, que geralmente são pintados, devem ser higienizados apenas com o auxílio de um pano úmido ou algodão com água e  sabão neutro. 
Os modelos em madeira podem ser lavadas sem medo pois a matéria-prima recebe tratamento para suportar a umidade.

Nos salões de beleza

Os salões de beleza estão sujeitos à fiscalização e podem seguir instruções da COVISA (Coordenação da Vigilância em Saúde) – que possui uma cartilha com todas as explicações.

Já vi usarem um produto para esterilização de escovas nos salões, mas mesmo tendo isso, fiquem de olho na higiene do local SEMPRE!


Fátima Moral

Fonte e pesquisa: cabelos fortes.com

2 comentários:

Postar um comentário

Deixe aqui seu comentário! Logo ele será publicado.